Início
Tecnologia
Saúde
Negócios
Variedades
 
Contato
Indique
Incluir Notícia
Domingo, 27 de Setembro de 2020
 
Recife é a cidade mais procurada pelos turistas. Pixabay.
Recife é a cidade mais procurada pelos turistas. Pixabay.

Levantamento aponta crescimento de 30% na compra por viagens domésticas em agosto - 15/09/20

Indique - Contato - Compartilhar:


Agência de viagens on-line Passagens Promo aponta, ainda, que a maioria das viagens tem o lazer como finalidade; Nordeste continua sendo destino mais escolhido



Em meio a polêmicas envolvendo a reabertura de praias e a flexibilização de acesso a espaços públicos, os brasileiros compraram mais passagens aéreas para viajar em território nacional em agosto. Um levantamento feito pela agência de viagens on-line Passagens Promo indica que a venda de passagens para turismo no Brasil foi 30% maior em agosto de 2020 em relação ao mesmo período no ano anterior.



Apesar de o mês seguinte às férias escolares de julho ser, tradicionalmente, momento de muitas consultas e poucas compras no segmento de viagens, Paulo Zamboni, CEO da Passagens Promo, atribui a mudança no comportamento do consumidor a promoções realizadas pelas companhias aéreas. “Os preços estão entre 20% e 30% menores que os praticados antes da pandemia, dependendo do trecho, estimulando o cliente a aproveitar a oportunidade para tirar do papel aquela viagem desejada”, afirma o empresário.



Os destinos mais comprados em agosto, no entanto, não surpreenderam e o Nordeste continua na liderança quando o assunto é viagem. Partindo de São Paulo, as cidades mais compradas pelos clientes da agência são Recife, em primeiro lugar, seguida por Salvador, Natal e Fortaleza. O Sul do país é a segunda região líder em compras de passagens, tendo como principais destinos Porto Alegre e Curitiba.



Outro dado disponibilizado pela Passagens Promo indica que o aumento das compras se deu em maior quantidade para o turismo, apesar de uma leve aquecida nas viagens de curta duração. “Entendemos por viagens a trabalho as que duram um ou dois dias. Já as compras com intervalo entre a ida e a volta superiores a seis dias são classificadas por viagens com a finalidade de lazer. Em agosto, esse tipo de viagem representou 64% no total de vendas da agência,” afirma Zamboni



Ainda que muitos consumidores estejam comprando passagens para viagens que ocorrerão dentro de um intervalo de 20 dias, as buscas por bons preços nos próximos meses já está aquecida. O período entre as festas de fim de ano e janeiro de 2021 lidera as pesquisas no site http://www.passagenspromo.com.br, totalizando 40% das buscas realizadas em agosto. “O mercado de viagens está passando por uma grande transformação. As companhias estão reavaliando a quantidade de voos e oferta de destinos e, por outro lado, o consumidor está cada dia mais interessado em encontrar oportunidades que viabilizem a realização de desejos, principalmente após um período de tantas privações. A tendência é que o segmento continue crescendo,” avalia Zamboni.



Para quem está planejando viajar nos próximos meses, o CEO da Passagens Promo dá algumas dicas. “Devido às adaptações na malha aérea, é importante acompanhar a situação do voo no site da companhia e, de preferência, tentar fazer o check-in on-line, que fica disponibilizado, geralmente, 48 horas antes da viagem. Se o cliente conseguir fazer o check-in, a chance de o voo ser cancelado é bem menor. E, se acontecer, é preciso ter paciência para a resolução do problema, um trabalho não automatizado que pode levar algum tempo para ser solucionado.”



Outra orientação deixada pelo empresário é realizar um seguro viagem, que tem custo-benefício vantajoso para viagens nacionais. “Muitas pessoas fazem o seguro para viagens internacionais, mas acreditam não ser necessário o seguro para dentro do Brasil. Entretanto, com um custo bem menor que o praticado em viagens internacionais, cerca de R$ 3 por pessoa ao dia, o cliente se resguarda em casos de extravio de bagagem, indisposições e acidentes durante a viagem, por exemplo, que ficam sob a cobertura do seguro”, explica Zamboni.



Indique esta notícia:
Seu nome

Seu e-mail

Nome indicado

E-mails dos indicados (separados por vírgulas)

Mensagem (opcional)

Reproduza na caixa de texto, o código anti-spam abaixo



  
Entre em Contato com o responsável pela notícia:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Reproduza na caixa de texto, o código anti-spam abaixo



  
Voltar
Agenda

Copyright © 2008 JORNOW. Todos os direitos reservados