Painel de notícias
 
Início
Tecnologia
Saúde
Negócios
Variedades
 
Contato
Indique
Incluir Notícia
Terça-Feira, 16 de Outubro de 2018
 

Área de convívio coletivo é a melhor opção para a criança se desenvolver de forma mais saudável - 11/10/18

Indique - Contato - Compartilhar:


Praças, parques e áreas comuns de bairros, cidades e inclusive em condomínios fechados são alternativas ideais para a criança exercer o seu direito à diversão, entretenimento e crescer de forma plena - no que se refere aos planos físico, intelectual e emocional, é o que alerta especialistas

Ribeirão Preto (SP), 11 de outubro de 2018 – No mês em que se comemora o Dia da Criança, celebrado em 12 de outubro, especialistas e educadores garantem que, no que se refere à recreação, entretenimento e diversão, vale como recomendação aos pais e responsáveis pelos pequenos um resgate de costumes de outras gerações, como por exemplo, brincadeiras de roda e canções folclóricas e, principalmente, ocupar com a família os espaços coletivos de praças, parques, bibliotecas, museus e inclusive em áreas comuns de condomínios fechados. O benefício dessas práticas, explica a psicóloga Ana Lúcia Pellegrino, é “o retorno do olho no olho, o contato com outras pessoas, a participação da família nas brincadeiras e uma convivência saudável com o todo”.
Ana Lúcia, destaca que, tantos nos espaços coletivos da comunidade – sejam públicos ou privados - como em áreas de convívio em residenciais, é preciso sempre ter atividades e espaços onde as crianças possam resgatar a fantasia, o desenvolvimento motor e corporal, além do incentivo de valores ligados ao contato com a natureza e ao respeito ao outro. “As crianças de hoje ficam muito fechadas em suas casas, muitas preenchendo grande parte do tempo com jogos e interação pela internet através do uso de smartphones, por isso, é cada vez mais necessário que os adultos estimulem atividades ao ar livre, em contato com outras crianças, com a própria família, para que não percam o contato visual e estimulem a sensibilidade, tão importante para a formação de uma pessoa”.

Direitos ao entretenimento de qualidade

Ao tratar do tema, vale lembrar que toda criança tem direitos garantidos pela Declaração dos Direitos da Criança, aprovada em 20 de novembro de 1959, durante Assembleia Geral das Nações Humanas. Ao todo são 10 princípios, mas dois deles em especial são inspirações para a Vitta Residencial Construtora e Incorporadora na hora de projetar seus empreendimentos: “Toda criança tem direito a proteção especial e a todas as facilidades e oportunidades para se desenvolver plenamente, com liberdade e dignidade” e “Direito a educação gratuita e ao lazer infantil”.

A arquiteta da empresa, Gil Almeida, explica que a construtora prioriza adequar seus espaços às crianças moradoras de seus empreendimentos, principalmente quanto à localização, priorizando locais de maior visibilidade e próximos as áreas de convívio e permanência do condomínio. “Trabalhamos com pesquisas para adequação do mobiliário e equipamentos para cada faixa de idade sugerida em cada espaço, buscando sempre elementos que incentivem a criatividade e desenvolvimento dos sentidos da criança, como cores, texturas e atividades lúdicas que são fundamentais para o processo de aprendizagem”, destaca.

A construtora também investe na expertise de seus arquitetos para criarem espaços como playkids, playbaby e brinquedoteca, que podem variar de acordo com o tipo e formato de empreendimento. Hoje, apenas o playkids é um padrão em todos os empreendimentos, pois é o espaço adorado e preferido das crianças. “O playkids nos condomínios traz comodidade a muitos pais que precisariam se deslocar com os filhos até os parquinhos e espaços públicos que, muitas vezes, estão distantes. Além disso, proporciona maior segurança aos pequenos por estarem em uma área fechada e com observação constante de outros moradores”.

Rodrigo Morando, diretor executivo comercial da Vitta Residencial, explica que a empresa reconhece a importância de projetar empreendimentos que contenham espaços voltados especificamente para as crianças, pois acredita na oportunidade de socialização, além da própria diversão. “Optar por morar em um condomínio fechado, com área de lazer para o público infantil, significa maior segurança, num ambiente livre, que estimule a interação social, a troca de experiências e as brincadeiras entre as crianças, hoje pouco praticadas, pois o mundo está cada vez mais virtual”, pontua.

Estimular o contato das crianças com a natureza é outra meta que a Vitta Residencial desenvolve. Um dos projetos de responsabilidade ambiental da empresa, o Verde Vitta, realiza o plantio de espécies variadas nos residenciais, principalmente no momento da entrega dos imóveis, sempre na presença das famílias. E quem planta as árvores, geralmente são crianças – futuras moradoras – auxiliadas por colaboradores da construtora. É o caso do garoto Rafael Almeida, novo morador do Vitta Praças do Ipiranga, em Ribeirão Preto. Durante o evento Entrega da Felicidade, realizado em setembro, ele participou da ação de plantio. Para o pai de Rafael, Carlos Alberto de Almeida, a experiência foi fantástica. “Acho muito interessante porque eu fazia isso quando era criança e já ele teve essa oportunidade no primeiro dia dentro do nosso condomínio”.

Os pais Jaine Aparecida Ramos Lopes e Anderson Roberto Zanardo Honorato, moradores de um dos empreendimentos Vitta, também acompanharam um plantio de árvores da empresa, ao lado do filho Yuri Henrique Ramos, bem como participaram de brincadeiras com artistas, palhaços, trenzinho, teatro e circo. “É muito gratificante poder morar em um espaço que oferece atividades educativas e brincadeiras para nosso filho. Acreditamos que desta forma, ele se torna mais livre e vivencia sua infância com qualidade de vida”, afirma a mãe.
A psicóloga Ana Lúcia Pellegrino acrescenta que é importante que os filhos tenham a presença dos pais nestes espaços, para que ocorra uma aproximação entre as gerações e um tempo para o convívio pleno família, de forma que a criança sinta os laços de troca e afeto. “É importante também que a criança brinque com outras crianças e aprenda a conviver no ambiente coletivo”.

Atividades para pais e filhos em espaços coletivos de lazer
Como dica para o mês das crianças, a psicóloga Ana Lúcia Pelegrino, lista algumas atividades que podem ser propostas pelos pais e familiares em parques, praças e áreas de lazer em residenciais. Reúna um grupo de crianças em ambiente aberto de preferência como quadra, playkids, ou até salão de festas e escolha uma destas opções:
- Promova brincadeiras populares que são resgatadas no folclore brasileiro, como cantigas de roda, joquempô, escravos de Jó, amarelinhas, construção de pipas ou outras. É importante que qualquer uma delas sejam propostas por um adulto. Sugira revezamento entre pais para a condução das brincadeiras.
- Use brincadeiras que estimulem gestos, mímicas, canto, movimento e outras atividades que trabalhem o físico, o intelecto e emocional.

- Teatro infantil é sempre recomendado, pois estimula a fantasia. É fácil fazer uma caixa com palco e fantoches por exemplo. Aí é só pegar livro de histórias infantis e deixar as crianças treinarem ou até manter o improviso dos diálogos para aguçar a criatividade e o imaginário das crianças. Lembre-se: contos de fadas trabalham personagens como princesas, heróis, anjos, mas não podem faltar anti-heróis como monstros, bruxas e outros.
- Oficina de Mandalas – é bem simples e fácil e ainda, terapêutica. Basta imprimir mandalas da internet e oferecer lápis, giz de cera ou tinta e deixar a criança soltar sua criatividade. É possível promover uma brincadeira ainda mais interativa, para que cada criança complete a mandala de outra criança em determinado momento da atividade ou deixá-la produzir sozinha.

- Yoga e meditação – essas atividades são muito indicadas para as crianças de hoje, por conta do estresse e ansiedade que elas vivem, mas devem ser orientadas por especialistas. Neste caso, dá para propor atividades em datas especiais com rateio de custos.

Marca de compromisso
A Vitta Residencial Construtora e Incorporadora tornou-se referência no setor imobiliário do interior de São Paulo, com mais de 11 mil imóveis lançados nas cidades de Ribeirão Preto, Sertãozinho, Bauru, Araraquara, Piracicaba, Jaboticabal e recentemente em Franca. Entre seus diferenciais, constrói condomínios com áreas de lazer equipadas e decoradas. Ao todo reúne 42 empreendimentos em seu portfolio – todos atrelados ao programa Minha Casa Minha Vida.
Criada há oito anos, a Vitta Residencial já entregou mais de 5.000 unidades. Hoje, conta com mais de 800 funcionários e vem ampliando, de forma acelerada, seu desenvolvimento para manter-se como uma marca empregadora e em pleno ritmo de expansão pelo país. Com essa performance, a empresa foi eleita pelo segundo ano consecutivo como uma das “100 Maiores Construtoras do Brasil”, classificada pelo 14º Ranking ITC (Inteligência Empresarial da Construção), ocupando o 6º lugar na categoria nacional.

Atendimento à Imprensa
Verbo Nostro Comunicação Planejada – (16) 3632-6202 / 3610-8659
Jornalistas responsáveis:
Luciana Grili (16) 99152 2707 (luciana@verbo.jor.br)
Andrea Berzotti (16) 99138 6185 (andrea@verbo.jor.br)
Valter Jossi Wagner (16) 99152 2700 (valter@verbo.jor.br)
Colaboração: Gabriel Todaro e Juliana Castro (redação@verbo.jor.br)



Indique esta notícia:
Seu nome

Seu e-mail

Nome indicado

E-mails dos indicados (separados por vírgulas)

Mensagem (opcional)

Reproduza na caixa de texto, o código anti-spam abaixo



  
Entre em Contato com o responsável pela notícia:
Seu nome

Seu e-mail

Mensagem

Reproduza na caixa de texto, o código anti-spam abaixo



  
Voltar
Envie arquivos
Agenda

Copyright © 2008 JORNOW. Todos os direitos reservados